Menu

Fórum de estudantes: uma celebração democrática

Repensando constantemente novos modelos de ensino e aprendizagem, o Fórum de Estudantes do Colégio Oficina se destaca como uma forma inovadora de pensar a educação. O evento acontece sempre no início do ano letivo e reúne os líderes de todos os Projetos Pedagógicos eleitos no ano corrente para tomarem posse, discutirem o que é e qual a importância da representatividade e liderança com alguns convidados, além de iniciarem os planejamentos dos respectivos projetos (CONESCO, Oficina in Concert, Super Séries, G.A.C.C.O., Gestão Financeira e Conselho de Representantes). No total são eleitos anualmente 6 pares, ou seja, 12 líderes por sala, cada par responsável por representar a turma em um projeto.

Conforme tradição, a diretora Márcia Kalid foi quem proferiu o discurso de abertura deste que é um dos momentos mais importantes do calendário escolar, quando também, oficialmente, o novo grêmio estudantil, representado pela chapa “Speculum”, tomou posse proferindo seu primeiro discurso.

Em um segundo momento da manhã os alunos se dividiram por série para discutir os conceitos de liderança e representatividade com palestrantes convidados. Além disso, tiveram a oportunidade de conhecer outros representantes do mesmo projeto e perceber que fazem parte de algo maior, que engloba toda a comunidade escolar.

No terceiro e último momento, os representantes se reuniram em salas que simbolizavam cada projeto da escola, para discutirem com os respectivos coordenadores o início do planejamento de trabalhos do grupo, debatendo as propostas, desafios e perspectivas das ações a serem realizadas. Assim, os novos representantes trocaram experiências, se conheceram melhor, discutiram o papel da liderança na contemporaneidade e deram o “pontapé inicial” ao calendário de Projetos da escola. representantes .

O Fórum, nas palavras da diretora Magaly Figueiredo, se pretende um exercício democrático de troca e respeito às diferenças e opiniões, de deliberação e amadurecimento coletivo. Uma celebração democrática. “Acreditamos que o Fórum é um momento único e singular desta escola que acredita na participação de todos na formação integral de seus alunos, “meninos e meninas”, arremata.